Escolha uma Página

INTENSIVO EM AGROFLORESTA
De 9 a 20 de outubro
Fazenda da Toca – Itirapina/SP

Conteúdo
Por que fazer Agrofloresta no atual contexto socioambiental global?
Apresentação dos fundamentos e princípios da Agrofloresta
Visita e estudo nas áreas de Agrofloresta da Fazenda da Toca
Planejamento, implantação e manejo de três projetos que permeiam a Agrofloresta:
– Horta agroflorestal
– Agrofloresta como ferramenta didática (aliando a agrofloresta e a educação)
– Pesquisas em agrofloresta, o desafio da Larga Escala
Visita em dois projetos de Agrofloresta na região de Ribeirão Preto:
Assentamento Mario Lago
Fazenda São Luis

PÚBLICO ALVO
Para estudantes, recém formados, jovens e todos aqueles interessados em iniciar e aprofundar seus conhecimentos em Agrofloresta.

DATA
09 À 20 DE OUTUBRO

HORÁRIOS DO CURSO
Das 08h às 16h30.

NÚMERO DE VAGAS
20

CARGA HORÁRIA
12 dias de imersão, 108 horas

INVESTIMENTO
R$ 1.450,00 (alimentação completa e hospedagem).

PROJETOS E VISITAS

PROJETO HORTA

A Fazenda da Toca está iniciando sua Horta Agroflorestal. No Projeto Horta, teremos a oportunidade de aprender como se planeja uma Horta Agroflorestal. E como concretiza-la, através da implantação e manejo de um módulo de horta agroflorestal.

O Projeto Horta, será o momento de apresentar e aprofundar os princípios e fundamentos da Agrofloresta!
Conteúdos abordados: Por que fazer Agrofloresta no atual contexto socioambiental global?; Apresentação dos fundamentos e princípios da Agrofloresta; Planejamento, implantação e manejo de canteiros de horta agroflorestal.

Instrutora: Olívia Gomes

PROJETO EDUCAÇÃO

Como incluir a Natureza nos diversos ambientes de aprendizagem proporcionando a nós, nossas crianças e jovens um ambiente harmonioso e diverso que aprofunda nossa percepção e compreensão sobre nosso lugar neste mundo?

No Projeto Educação criaremos um espaço de experiências e trocas que irão nos permitir comungar com a natureza diretamente pelo toque, olfato, paladar, visão e som, construindo a cultura da “Natureza como Mestra”. Envolvendo os exemplos concretos da Escola da Toca, de atividades com canteiros agroflorestais e reflexões cotidianas do ambiente escolar, propomos uma forma inclusiva de se relacionar com a natureza.

Conteúdos abordados: A Natureza como Mestra: Alfabetização ecológica – os padrões ecológicos na vida cotidiana; Planejamento, implantação e manejo de canteiros agroflorestais para crianças.

Instrutora: Mônica Passarinho e Olívia Gomes

PROJETO PESQUISA

Sabemos que os problemas ambientais, sociais e econômicos são em larga escala, por isso se faz necessário pensar em soluções em larga escala também.

É nesse cenário que a Fazenda da Toca criou o CEIA (Centro de Estudos e Inovação em Agrofloresta) uma área de Pesquisa e Desenvolvimento em Sistemas Agroflorestais, com o desafio da Larga Escala.

No projeto Pesquisa, junto à Equipe do CEIA, teremos a oportunidade de entender quais são as premissas utilizadas para a construção dos modelos de agrofloresta em larga escala. Através de dinâmicas de grupo construiremos cases de agrofloresta, com diferentes focos produtivos.

Também teremos momentos práticos, para aprender como podemos colher e medir dados importantes sobre a agrofloresta.

Contéudos abordados: Apresentação CEIA; modelos e premissas utilizadas para a larga escala; construção de cases em agrofloresta; práticas de sistematização de informações importantes sobre o sistema agroflorestal.

Instrutores: Everton Lemos, Valter Ziantoni e Paula Costa.

COMO FUNCIONA

  • Hospedagens em quartos coletivos (traga a sua roupa de cama!)
  • A limpeza dos quartos é de responsabilidade dos participantes
  • Almoço será servido no Restaurante Sabores da Toca
  • Café da manhã e Jantar: forneceremos os alimentos necessários para o preparo do café da manhã e jantar (obs: alguns alimentos virão da própria fazenda!)
  • O preparo do café da manhã e jantar é de responsabilidade dos participantes, e todos participarão do preparo coletivo, nos organizaremos em grupos
  • O alojamento fica em torno de 7km da área central da fazenda, por isso todos os dias haverá transporte dos participantes: Ida – 08:00 da manhã | Volta: 16:30 da tarde
  • Em todo o programa, o grupo terá 100% de acompanhamento com um Tutor (Marcelo Shigematsu)
  • Haverão aulas teóricas e práticas, sendo o foco do trabalho o desenvolvimento das habilidades práticas no campo (acreditamos que a agrofloresta só se aprende na prática! o trabalho diário no campo é que forma um agrofloresteiro!)
  • O objetivo do programa é abordar 3 diferentes projetos de Agrofloresta na Fazenda da Toca, sendo eles: Horta Agroflorestal; Agrofloresta como ferramenta didática na Educação e as Pesquisas em Agrofloresta para a Larga Escala.
  • Cada projeto conta com professores que ministrarão as aulas teóricas e práticas e darão todas as orientações para desenvolvimento dos trabalhos:
    Olívia Gomes (Horta Agroflorestal)
  • Mônica Passarinho (Agrofloresta como ferramenta didática na Educação)
  • Everton Lemos, Valter Ziantoni e Paula Costa (Pesquisadores em Agrofloresta para a Larga Escala)

INSTRUTORES

Olivia Gomes

Olivia Gomes

Geógrafa pela UNESP - Rio Claro, agrofloresteira

Aprende e atua seguindo os princípios de Ernst Gotsch, está envolvida com projetos de agrofloresta em assentamentos de reforma agrária e universidades.

Tem como missão de vida reconectar as pessoas com a natureza por meio dos princípios da agrofloresta. Atualmente coordena os cursos e vivências no Instituto Toca.

Mônica Passarinho

Mônica Passarinho

Bióloga pela UnB, permacultora, educadora para sustentabilidade com especialização em Educação Gaia - Design para Sustentabilidade

Atua no Instituto Toca, onde promove a Alfabetização Ecológica. Iniciou seus trabalhos em 2005 no Ipoema – Instituto de Permacultura, em Brasília.

Colaborou para a construção e desenvolvimento do currículo, planejamento e execução da disciplina Green Studies da Green School, em Bali, na Indonésia, que culminou no desenvolvimento do conceito de Educação de Transição.

Marcelo Shigematsu

Marcelo Shigematsu

Agricultura Orgânica

Iniciou seus trabalhos com agricultura orgânica em 2015 nos Estados Unidos onde atuou como voluntário em uma fazenda de orgânicos. Colaborador do Instituto Toca desde 2016, tem focado seu trabalho na difusão dos sistemas agroflorestais através do programa de voluntariado da Fazenda.

Everton Lemos Silva

Everton Lemos Silva

Zootecnista pela Unesp (campus Botucatu)

Atua com pesquisas voltadas ao desenvolvimento e inovação de sistemas agroflorestais focados na produção animal, nutrição alternativa e bem-estar no Centro de Estudo e Inovação em Agrofloresta – CEIA, situado na Fazenda da Toca. Já participou de projetos relacionados à disseminação de sistemas silvipastoris através da recuperação de pastagens degradadas e comportamento de plantas forrageiras submetidas a sombra e intensidades de pastejo

Valter Ziantoni

Valter Ziantoni

Engenheiro Florestal pela UFPR e MSc. Agroforestry pela Bangor University

Entusiasta da transparência, compartilhamento, empoderamento e colaboração entre as pessoas; com foco em conectar, catalisar processos e encurtar distancias. Ampla experiência em economia rural e modelos de desenvolvimento sustentável, com experiência internacional em cargos de liderança e diversos trabalhos voluntários. Atualmente desenvolvendo projetos de pesquisa na seção de P&D da Fazenda da Toca, ajudando a consolidar um pólo de excelência em inovação em processos produtivos e projetos agroflorestais de larga escala.

Paula Costa

Paula Costa

Engenheira Florestal pela ESALQ/USP e Bióloga pela UNESP.

Foi coordenadora do grupo de pesquisa em sistemas agroflorestais SAF-Pirasykáua da ESALQ/USP e participou em projetos de extensão e assistência técnica com agricultores e assentados em São Paulo, Mato Grosso e Amazonas. Especialista e consultora em sistemas agroflorestais e silvicultura de espécies nativas e exóticas. Hoje, atua no CEIA – Centro de Estudos e Inovação em Agrofloresta na coordenação da equipe de campo e no desenvolvimento de pesquisas e inovação nos sistemas de produção agroflorestais.

Nossas redes

Contatos

São Paulo +55 (16) 2106.8606
Demais localidades: 0800 123 780

Rodovia Washington Luís, Km 204, s/n
Zona Rural, Itirapina – SP, 13530-000

Share This